ARTIGOS

Você está em - Home - Artigos - O sono REM e a apneia do sono estão associados à função da linguagem em crianças comsíndrome de Down : uma análise de uma amostra da comunidade

O sono REM e a apneia do sono estão associados à função da linguagem em crianças comsíndrome de Down : uma análise de uma amostra da comunidade



A taxa de prevalência de apnéia obstrutiva do sono (AOS) na comunidade de crianças com síndrome de Down (SD) não está clara. Além disso, o impacto da AOS e da estrutura do sono na função cognitiva é inconclusivo. O presente estudo teve como objetivo investigar 1) a taxa de prevalência de AOS nas crianças com SD e 2) o impacto da AOS e da estrutura do sono no desempenho cognitivo.
MÉTODOS:Trinta crianças portadoras de SD com idades entre 6 e 18 anos foram recrutadas e avaliadas com o desempenho do domínio da linguagem e do domínio sensório-motor, combinando testes neuropsicológicos e comportamento avaliado pelos pais. Os resultados foram os escores ajustados pela idade, dos quais quanto menor a pontuação, melhor a habilidade do paciente. A associação do escore com OSA e estruturas do sono foi determinada por regressão linear. Para diminuir a diferença relacionada à idade, todas as análises foram conduzidas separadamente para todos os indivíduos e indivíduos de 6 a 12 anos de idade.
RESULTADOS:A mediana de idade foi de 11,3 anos e mediana de Quociente de Inteligência em Grande Escala (FSIQ) foi de 44. A prevalência de AOS (índice de apneia-hipopneia ? 1 / h) foi de 80% e 62,5% em todos os indivíduos e 6-12 anos de idade sujeitos, respectivamente. Para indivíduos de 6-12 anos de idade, após ajuste para idade e FSIQ, tanto% REM como OSA foram associados com menor pontuação no subteste do domínio de linguagem, vocabulário WPPSI-R, enquanto% REM também foi associado com menor pontuação de VABS -II Comunicação - Expressiva. Pelo contrário,% de sono de ondas lentas não foi associado a nenhum subteste.
CONCLUSÃO:Este estudo identificou que a AOS pode ser altamente prevalente em crianças com SD na comunidade. Entre crianças com DS de 6-12 anos de idade, OSA e% REM estavam associadas à sua função de linguagem.

Fonte: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/31378642

VEJA TAMBÉM:



Texto Original



The prevalence rate of obstructive sleep apnea (OSA) in the community Down syndrome (DS) children is not clear. Moreover, the impact of OSA and sleep structure on the cognitive function is inconclusive. The present study aimed to investigate 1) the prevalence rate of OSA in the community DS children and 2) the impact of OSA and sleep structure on cognitive performance.
METHODS:Thirty DS children aged 6-18 years were recruited and evaluated with the performance of the language domain and sensorimotor domain, combining neuropsychological tests and parent-rated behavior. The outcomes were the age-adjusted scores, of which the lower the score was, the better was the patient's ability. The association of score with OSA and sleep structures was determined by linear regression. To diminish the age-related difference, all analyses were conducted separately for all subjects and 6-12-year-old subjects.
RESULTS:The median age was 11.3 years and median Full-Scale Intelligence Quotient (FSIQ) was 44. The prevalence of OSA (apnea-hypopnea index ? 1/h) was 80% and 62.5% in all subjects and 6-12-year-old subjects, respectively. For 6-12-year-old subjects, after adjustment for age and FSIQ, both %REM and OSA were associated with lower score of the subtest of language domain, WPPSI-R Vocabulary, while %REM was also associated with lower score of VABS-II Communication - Expressive. In contrary, % slow wave sleep was not associated with any subtest.
CONCLUSION:This study identified that OSA may be highly prevalent in community DS children. Among 6-12-year-old DS children, OSA and % REM were associated with their language function.


VEJA TAMBÉM: